segunda-feira, 27 de outubro de 2014

MURAL – Queixas & Denúncias


15 comentários :

Anônimo disse...

- Brasil, provavelmente o único pais onde não é necessário forças armadas para uma ditadura de 16 anos, elege-se o mesmo partido por vias democráticas. Pior que daria no mesmo eleger o outro partido, porque são todos a mesma coisa. Um ciclo sem fim.
- Infelizmente o preconceito impera num pais onde se esconde o preconceito... Isto de sulista e nortista... só precisava uma desculpa, em nenhum estado um candidato teve 10% e o outro 90% para justificar tanta diferença. Desculpa esfarrapada para aflorar a discriminaçao ao norte e nordeste.

Anônimo disse...

A grande verdade mesmo, é que de qualquer forma estaríamos entre a cruz e espada, olhe as votações, não interessa se é de bolsa família ou um desgoverno. Estaríamos bem mau com Marina, Aécio e Dilma. O que o Brasil precisa é de renovação, pessoas a fim de fazer um trabalho digno é honesto, coisa que infelizmente é muito difícil na política. Todos querem levar e todas querem sair ganhando. É o Brasil da corrupção, do desleixo, do descaso, da impunidade somos vistos lá fora como maloqueiros e sem educação. Brasil só é bom no samba pois nem futebol é mais porque a corrupção também já levou. A água esta acabando não é de hoje, culpados somos nós mesmos que não fizemos nada desde 1970 que já vinham falando sobre o assunto e nada foi feito, agora é o PSDB que tem culpa é o PT não é a população que com essa falta d´água imensa continua a lavar seus carros e lavar calçadas... População que não sabe votar e não sabe ver seus direitos... paguemos pela nossa própria estupides....Teremos mais 4 anos de corrupção e gastos indevidos...até o país explodir de tanta corrupção...teremos uma inflação pior que já tivemos na época do Sarney e estamos doando nossos riquezas naturais aos pais de primeiro mundo....minério e petróleo...hoje não somos mais o pulmão do mundo..somos a riqueza do mundo e ninguém se deu conta disso...mas, isso é Brasil...Terra dos sem atitude que tudo está bom...se está ruim vamos ao Facebook, Twitter mostrar nossa indignação e está tudo certo...E O QUE TEMOS PARA HOJE....LAMENTÁVEL...

Anônimo disse...

Dá próxima vez que saírem as ruas, pedindo EDUCAÇÃO, SAÚDE, REFORMA POLÍTICA, MOBILIDADE, PUNIÇÃO DOS CORRUPTOS, por favor avisem primeiro que só será uma brincadeira.

Anônimo disse...

seria muito interessante separar sao paulo já q eles tao pedindo isso neste momento, um estado q vive dos impostos pagos pelos outros e do protecionimos e exportando produtos de qualidade baixa e caros pro resto do pais.
seria interessante ver um povo q elege tiririca e reelege tucanogeraldo alckimin q esta deixando metade do Estado na seca e ainda ter coragem depois de culpar o nordestino.
psdb é culpado pela seca em SP.
PT é culpado pela seca no nordeste, 12 anos já de PT (e agora indo pra 16 ) e nada de acabarem a transposiçao do rio sao francisco.

perceberam?? no fundo nao há diferença, sao farinha do mesmo saco.
essa hora Aécio ja ta sentado com dilma negociando uns ministérios em troca de dar-lhe apoio.
ou vcs acham q é só aqui q um lixo como jeferson lima dorme amarelo e acorda azul??
a corrupçao q aprendemos no resto do país, tiveram professores lá debaixo.

Anônimo disse...

Quanto a parceria PT X PMDB aqui em Belém, onde moro, não sei quem tinha a pretensão de enganar quem. A militância do Pt não foi pra rua lutar por Hélder. Acho que já havia uma briguinha por cargos no estado. Agora que a tucanalha estava de olho nos cargos federais, estava. Vão ficar só nos estaduais. Adoooorei

Anônimo disse...

Nesses últimos dias, todos nós paraenses temos presenciado uma certa meritocracia quando se trata de pesquisa sobre os candidatos ao governo.
É claro que falar depois da eleição é mais fácil, pois o pleito passou e agora todos e qualquer um pode comentar e criticar sobre a relação que existe entre opinião pública e as pesquisas sobre intenção de voto. Me coloco entre esses que gostam de criticar depois. Acredito até que seja uma falta de coragem da minha parte, afinal os ânimos no pleito eleitoral foram intensos.
Caros, não gostaria de atacar o "Cientista" Político Edir Veiga. Mas na verdade, acredito na possibilidade de descrédito de seu instituto IVeiga.
Não sou especialista em estatística e nem mesmo em ciência política. Alíás não me considero especialista em nada, mas existe uma regra em probabilidade e estatística que versa sobre a necessidade de quantificar a incerteza. Mas qual a incerteza que foi considerada em tais pesquisas?
Será que a incerteza é a qualidade da pesquisa? Será a incerteza a possibilidade de um candidato se sobrepor sobre outro? Será que uma metodologia pode previlegiar um ou outro candidato?
Vejam...É claríssimo que a utilização de uma metodologia de pesquisa de opinião pode beneficiar um ou outro candidato! Basta ter conhecimento em manipulação de dados (e de mentes). Simplesmente basta escolher variáveis aleatórias discretas numa distribuição de propabilidade dada. Com isso, todos os requisitos de pesquisa serão atendidos junto aos órgão oficiais, mas certamente, não serão atendidos os pressupostos morais deste tipo de inferência.
Para isso vale a máxima: "os dados são manipuláveis pelos interesses inerentes".
Além disso, no dia 29 de setembro de 2014, em sua página no facebook, o dito "cientista" escreveu "Qual o Instituto que realiza pesquisa no Pará que tem um professor da federal em Ciência Política com título de doutor? seguramente não é o IBOPE". Bem, considerei isso em primeiro lugar uma prepotência, pois não é ncessário ter doutorado para realizar uma pesquisa séria. Em segundo lugar, ao analisar o currículo lattes (que é uma currículo autodeclarado e referenciado pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Brasil) percebí que este professor fez realmente o doutorado em uma universidade privada que não possui este curso de pós-graduação reconhecido pelo MEC e que ainda encontrei diversas denúncias sobre esta univerdade, no qual cheguei à conclusão de que é uma instituição duvidosa.
Porém, ao continuar a analise do currículo do professor Edir Veiga, identifiquei apenas três publicações em periódicos. Ressalta-se que nenhum periódico é indexado pela CAPES, que é o órgão que referenda a credibilidade das publicações. Procurei, procurei e nada de encontrar as publicações. No entanto, não posso ser mentiroso de dizer que as publicações foram inventadas. Porém chamar um professor de cientista...NÃO!Para mim, cientista é alguem que produz ciência, publica artigos, participa de projetos de pesquisa financiados ou apoiados ou mesmo articulados no âmbito das instituições sérias deste país ou do exterior.
Por isso, chego a conclusão de que este instituto IVeiga é um instituto sem nenhuma credibilidade para lidar com quesões eleitorais.
Além disso, no horário posterior à votação do dia 25/10/14, fui expectador de algumas análises feitas pelo "professor" Edir Veiga na TV RBA e não consegui identificar absolutamente nenhuma análise séria e consubstanciada do processo e do resultado eleitoral.
Fico ainda preocupado com alguns cidadãos paraenses que desejam estudar ou que já estão estudando ciência política na Universidade Federal do Pará (existe um mestrado em ciência política na UFPA), pois, para garantirem suas bolsas e seus relacionamentos político-acadêmicos, ainda defendem, sem nenhuma razão científica as pesquisas realizadas pelo instituto citado.

Anônimo disse...

Só P da vida que ainda vou ter que aturar o choro falso e caro da Fafá na janela Global que não influencia PN no Turismo . O preço do choro é coisa de doido. Se o Hélder tivesse ganho trocava de fafá. Quanto aos cargos federais o loteamento tucano não foi dessa vez ainda. O PMDB não calçou a Sandalinha da Humildade.

Anônimo disse...

Esse anônimo é hilário. Sabe que ele tem razão? Ano que vem vou programar uma viagem para Aparecida. Vou pedir para a Padroeira do Brasil que proteja os bolsos e os ouvidos dos paraenses durante a nossa procissão do Círio. Amém

Anônimo disse...

O Jatene ganhou, infelizmente! Mas agora eu quero esclarecimentos sobre a conta de COMBUSTÍVEL DO ESTADO DO PARÁ. Afinal, quanto se gasta em combustível e deste gasto, quanto fica nos postos do filhinho do Jatene. Com a palavra, o Ministério Público!

Sylvio Leão disse...

Vc conseguiu descrever perfeitamente a indignacao. Parabens!!

Sylvio Leão disse...

Vc conseguiu descrever perfeitamente a indignacao. Parabens!!

Anônimo disse...

Os servidores públicos do Pará estão amargurados com a vitória do desprezo total em relação a carreiras públicas e a uma política minimamente decente de reposição de perdas.

Bem é verdade que em toda a campanha o principal candidato de oposição em nenhuma vez mencionou qualquer intenção de resolver as demandas mais críticas dos servidores.

Salve-se quem puder. E não adianta esperar por Ministério Público, nem pela justiça cível deste estado. Pelos próximos 4 anos, a menos que se disponham a fazer greves com muita disposição de resistir a pressões, não conseguirão nada.

Anônimo disse...

Ética, honestidade e outras palavras sinônimos, foram usadas pelos Tuvanos nesse período eleitoral. Será que eles pensam que somos todos idiotas, que não sabemos o signifivado disso. Os DAS poderiam dizer : preciso desse galho para continuar empregado
Os comunicadores do grupo Liberal e os donos da empresa poderiam dizer: queremos continuar faturando muuuito e etc.. Pensar e agir, escrever e postar nas redes sociais que o seu candidato é uma candura de honestidade, só para idiotas. A lei se move pelas conveniências.

Anônimo disse...

Todos somos obrigatoriamente seres éticos por vivermos em sociedade, ou seja, td mundo tem etica, no entanto, o q diferencia um individuo de outro é qual ética adota em suas ações diárias. Ex. que noção e prática de ética norteia o politico q rouba os cofres públicos, compra votos etc, ou ainda, o q vende seu voto por algum $ público??!

Anônimo disse...

Na verdade apostaram no candidato errado, Marina ganharia mais voto no Norte/Nordeste. Lembrando que Dilma foi votada também nas regiões Sul e Sudeste.