domingo, 7 de setembro de 2014

MURAL – Queixas & Denúncias


41 comentários :

Anônimo disse...

mais um mes que o jatene so coloca temporários na educação especial!

Anônimo disse...

Jatene repete a prática tucana que odeia efetivos e entope de temporarios o estado para garantir votos.

Anônimo disse...

Publicado o PCCR do TCE. Salve-se quem puder!

Anônimo disse...

Se é proibido uso de cavaletes de propaganda eleitoral em canteiros de vias públicas e rotatórias, porque a cidade está cheia deles, vide Duque de Caxias, Alcindo Cacela com Padre Eutiquio, Av. João PAulo II, BR 316, etc., de todos os partidos.

Anônimo disse...

MPT e MPE ajuízam ações contra TCE e TCM requerendo a exoneração de comissionados em excesso nos tribunais
Escrito em 05 Setembro 2014.

Ministério Público quer que Tribunal de Contas do Estado e Tribunal de Contas dos Municípios respeitem o princípio constitucional da proporcionalidade nos seus quadros funcionais.

Duas ações civis públicas ajuizadas, no mês de agosto, pelo Ministério Público do Trabalho (MPT) e pelo Ministério Público do Estado do Pará (MPE) requerem, em caráter liminar, a exoneração de ocupantes de cargos em comissão no Tribunal de Contas do Estado (TCE) e no Tribunal de Contas dos Municípios do Estado do Pará (TCM). Segundo as ações, tanto no TCE quanto no TCM, há duas grandes desproporcionalidades. A primeira diz respeito à quantidade de cargos em comissão, que deve obedecer o limite de 50% da quantidade de cargos efetivos. A segunda diz respeito ao percentual de ocupação desses cargos em comissão, considerando que 50% deles deve ser ocupado por servidores de carreira.

As ações foram motivadas pelo constatado excesso de comissionados em comparação ao número de servidores efetivos atuantes em ambos os tribunais, o que desrespeita o principio constitucional da proporcionalidade. MPT e MPE requerem na justiça a concessão de liminar para que TCE e TCM sejam obrigados a respeitar os percentuais permitidos pela ordem jurídica e pela jurisprudência da Suprema Corte do país, além de efetuarem a devolução de servidores cedidos, neles lotados, aos seus órgãos de origem.

O restante site do mpt pa

Anônimo disse...

Barata, essa é de prima. Furo de reportagem aqui no Estado. Acesse esse link e leia com seus próprios olhos.

http://www.csjt.jus.br/c/document_library/get_file?uuid=866a45c5-6e37-4224-92e5-400d8b79415e&groupId=955023

Anônimo disse...

Barata, bomba no Tribunal Regional do Trabalho do Pará. Rombo milionário. Vice-presidente do TRT, desembargador Luis Ribeiro, foi afastado de suas atribuições. Tudo isso foi descoberto pelo Conselho Superior da Justiça do Trabalho.
http://www.csjt.jus.br/c/document_library/get_file?uuid=866a45c5-6e37-4224-92e5-400d8b79415e&groupId=955023

Anônimo disse...

Todo ano de eleição é isso, os comissionados do Governo, e principalmente os exclusivamente comissionados ficam naquel agonia.
E este ano nao ta diferente, a turminha que pegou carona no governo jatene já cabisbaixa.


Na secretaria de assistencia social, a famigerada SEAS, nao é diferente.

Porem, há um lado triste da história, triste ver alguns exclusivamente comissionados que realmente colocam a mao na massa indo embora, mas tambem nao chega a abalar, pq de certa forma eles sabem disso e, eu particularmente, milito a favor de que todo cargo DAS deva ser entregue aos servidores efetivos do órgão, aqueles que realmente merecem estar ali nao por opçao politica, mas por mérito de terem passado num concurso de ampla concorrencia.

Como falava há o lado triste, mas há tambem o lado alegre que é ver uma corja desses esnobes mal agradecidos irem embora.

Lá na SEAS é muito comum os exclusivamente comissionados chegarem muito tarde ao posto e sairem bem antes do batente.
Alguns casos faço questao de citar pq nao vao deixar saudade em ninguem, de tao indignos que sao (profissionalmente falando):

*heitor, como gestor da secretaria de assistencia social, vc poderia ter dado muito mais assistencia aos servidores da casa, feito muito mais pelos servidores...mas simplesmente viraste as costas quando os servidores mais precisaram de ti, como na hora de lutar pelas GTi'S sendo cortadas em massa ou pela gratificaçao de desempenho da SEAS.

*tiago, o jovem assessor, se acha a cerveja do bolo mas oq sabe fazer dentro da SEAS alem de desrespeitar uma senhora de 69 anos (dona natalina) e fazer fuxico no ouvido do diretor??

#coordenador do nucleo de informatica, cara vc é rico? teu pai te banca? acho estranha sua postura de total desdem com o cargo de

#coordenador de NTI, pq parece q vc nao precisa desse cargo ou dinheiro, já q vc faz questao de nao mostrar serviço algum nem quando é solicitado pelo proprio Secretario do órgao.

#marta, muitos nem conhecem essa senhora q é coordenadora de RH mas poucas vezes esta no órgão!!! cuidado quem participar do caixinha dela, se helder ganhar nao vai haver rateio.

#ricardo transportes, mande seu curriculo para astrid fontenele ou para revista "titititi". quem é o maior pela saco da SEAS, vc ou tiago?

#charles tuma, o coroa metido a playboy, o q vc esper da vida aos 40 minutos do segundo tempo??? hum hum leve mais a serio seu emprego. deixe o seu playground pra tuna luso.

#sandra como gerente de patrimonio enfie uma coisa em sua cabeça, o serviço publico e´algo totalmente repetitivel, uma rotina infinita e diaria q qualquer pessoa com bom dissernimento, de nivel fundamental, superior ou medio, aprende 80% das atribuiçoes de um setor em 5 ou 6 meses, logo o q vc faz qualquer um pode fazer, se alguem nao sabe é pq vc nao passou o trabalho, preferiu acumular funçao na sua mao com medo de ser destronada. vc NAO É INSUBSTITUIVEL !!

#natasha, ainda bem q essa pegou o bonde no fim...pq da pra ver q é capaz de tudo para assegurar seu carguinho de DAS2, por isso os servidores efetivos fazem questão de rir na sua cara quando entra nas salas pedindo 'ordem' (vc nem é nada, filha, alem de prima do diretor);

#Koga, nao da logo pra senhora se aposentar? ou trabalhar sem sair de casa? sinceramente...


#edson, direto da DAF: os servidores nao veeem a hora de dizer "pegue seu banquinho e saia de mansinho", ninguem aguenta sua TPM, ta td mundo de saco cheio e desmotivado e tu ainda ficas querendo q o servidor de o maximo por vcs q nao fazem nada pelo órgao??
alias, fez por ti, empregou sua familiar.

Anônimo disse...

Li que od juizes e desembargadores do Rio de Janeiro enviaram à Assembleia Legislativa, um projeto que concede aos seus filhos e dependentes até 24 anos, uma ajuda de custo de 7.500 reais (sete mil e quinhentos reais) de auxílio educação. Dá para acreditar? É escárnio.

Anônimo disse...

Sai todo tipo de PCCR o da saúde que é obrigado por lei federal não sai, as propostas dos deputados é melhorar a saúde criando milhões DE LEITOS e centenas de hospitais , nem tocam num dos itens principais que é o PCCR de quem trabalho na saúde.

Anônimo disse...

Ei, Barata, já ocorreram duas arremetidas só agora à tarde em Val-de-Cans.

Anônimo disse...

A RUA GAIAPOS NA CONDOR PEDE HELP PRO PREFEITO DE BELÉM ZENALDO DO PSDB.

A rua GAIAPOS no bairro da condor, entre apinages e tupinambás, estar abandonada pela prefeitura do zenaldo. A rua não tem limpeza pública, porque os garis que limpavam a rua o prefeito tirou, a rua é só buraco e sem sinalização, as luminárias da via pública uma hora acende outra hora fica escura. Zenaldo as mais de 100 familias que moram nessa rua, esperam receber serviços públicos na rua. Prefeitura olha pra rua GAIAPOS no bairro da condor. Ela pede socorro.


Anônimo disse...

“Há corrupção em todas as empresas públicas ou privadas. A Petrobras tem órgãos internos e externos de controle. Mas quem descobriu foi a Polícia Federal. Se eu tivesse sabido qualquer coisa sobre o Paulo Roberto, ele teria sido demitido e investigado. Eu tirei o Paulo Roberto com um ano e quatro meses de governo. Eu não sabia o que ele estava fazendo. Eu tirei, porque não tinha afinidade nenhuma com ele.”


http://veja.abril.com.br/blog/reinaldo/geral/o-dia-em-que-marina-chorou-ou-industria-de-mentiras-do-pt-pode-fazer-de-marina-uma-poderosa-vitima-o-tiro-ainda-saira-pela-culatra/

Anônimo disse...

O problema de falta de água nas torneiras do bairro do Jurunas está se tornado uma sofrida rotina. Faltou água durante o dia todo na quinta feira e ontem. Durante as últimas semanas, pelo menos, faltou água duas vezes. O povo desse bairro sofre e é sempre pego de surpresa pois não há manifestação da Cosanpa. Essa situação é insustentável se tornou um tormento crônico que causa danos as pessoas que pagam por se um serviço precário que fornece água de qualidade duvidosa.

Anônimo disse...

Esse e o link pra acessar a série de reportagens da band sobre a miseria de Melgaço:
http://bandnewstv.band.uol.com.br/noticias/conteudo.asp?ID=727861&tc=brasil-idh-revela-os-extremos-na-saude-e-na-educacao-do-pais
Realidade não aparece na propaganda do PSDB

Anônimo disse...

Barata nossa Belém está sendo administrada pela preguiça, ineficiência e nepotismo. Até hoje não vi em nenhum Blog a Referencia do Irmão do atual Prefeito Guto Coutinho ser Secretario de Administração... Assim quero administrar Belém...

Anônimo disse...

Esse Jatene é uma anta. Vai entregar o governo de mão beijada pros Barbalhos.
Esse idiota só fez besteira, brigou com todos os seus aliados. Não apoiou nenhum prefeito nas eleições municipais e detonou do governo políticos do calibre de Nilson Pinto, Mario Couto, entre outros.
Na Seduc tirou toda equipe que era do Nilson Pinto, colocou uma maluca chamada Lene Farinha que não entende nada de administração pública.
Esta idiota cometeu um dos maiores erros da história no que se refere às obras. Ela recebeu 100 escolas estaduais em reforma com o dinheiro programado. Porém, achando que por ter sido cozinheira do Jatene, ela conseguiria dinheiro para mais obras a qualquer momento, então ordenou que outras 150 escolas entrassem em reforma. Coisa de louco, isso foi um tiro no pé. Acabou que ao invés do Jatene ter 100 escolas pra inaugurar, ficou foi com 250 inacabadas, e pior, com as obras paralisadas em todo o Estado.
No que diz respeito a merenda escolar, Farinha, tentou a todo custo colocar a empresa de Carlinhos Cachoeira pra fornecer pra Seduc. Outro tiro, este na cabeça. Agora, em plena campanha eleitoral, não existe merenda nas escolas estaduais.
Vai se cercar de gente incompetente assim lá longe. Jatene já era, entregou o Governo. Será que não foi de propósito?????

Anônimo disse...

Os DAS da prefeitura estão todos empenhados na campanha de Jatene e MArio Couto. Da SESMA principalmente, a gerente da Unidade de saúde Paraiso dos PAssaros bate ponto lá no jatene todo dia

Anônimo disse...

Não bastasse o Ministério Público do Estado do Pará ter feito uma contratação superfaturada com a Fundação Carlos Chagas, não se sabe onde foi parar esse dinheiro, já que nem fiscais a FCC precisa contratar. O MPPA, seguindo a tendência de fazer generosidade com o dinheiro público, cederá gratuitamente a força de trabalho de seus servidores para inspecionar o material de consulta dos candidatos ao concurso para membro do MPPA. O maior absurdo, ainda, é que os analistas do MPPA foram convocados (ou seja, estão sendo obrigados) a exercer tal função, sem receber qualquer contraprestação (dinheiro ou folga) pelos serviços a serem prestados nos dias de descanso (sábado e domingo), conforme portaria abaixo transcrita que, inclusive, ameaça os servidores que se recusarem a suportarem o rigor da lei (?!?):
Ministério Público do Estado do Pará
PORTARIA SGJ-TA
NÚMERO DE PUBLICAÇÃO: 744691
PORTARIA N.º 326/2014-MP/SGJ-TA
O SUBPROCURADOR-GERAL DE JUSTIÇA PARA A ÁREA TÉCNICO-ADMINISTRATIVA, no uso das atribuições que lhe foram delegadas mediante as portarias n.º 2227/2013-MP/PGJ,de 16 de abril de 2013, e n.º 4574/2013, de 24 de julho de 2013, e enquanto Presidente da Comissão do XII Concurso Público de Ingresso na Carreira do Ministério Público do Estado do Pará;
CONSIDERANDO que a 2ª Etapa do XII Concurso Público de Ingresso na Carreira do Ministério Público do Estado do Pará ocorrerá nos dias 18 e 19 de outubro de 2014, com a aplicação das provas discursivas;
CONSIDERANDO que deverão ser inspecionados os materiais de consulta à legislação, que serão utilizados pelos candidatos, nos termos do item 2.5, Capítulo V, e do item 16, do Capítulo VI, do Edital de Abertura de Inscrições n.º 002/2014;
CONSIDERANDO o disposto nos artigos 66 e 177, inciso IV, do Regime Jurídico Único do Estado do Pará (Lei n.º 5.810, de 24 de janeiro de 1994);
RESOLVE:
Art. 1º - Ficam convocados os Analistas Jurídicos do Ministério Público do Estado do Pará, para que integrem a equipe de inspeção de materiais de consulta à legislação, na 2ª Etapa do XII Concurso Público, nos dias 18 e 19 de outubro de 2014.
Art. 2º - Não poderá participar da inspeção o servidor que estiver inscrito no Concurso ou possuir parentesco com qualquer candidato inscrito, por adoção ou consanguíneo, na linha reta ou colateral até o terceiro grau, inclusive, ou por afinidade até o terceiro grau na linha reta ou até o segundo grau na linha colateral, o que deverá ser declarado à Comissão do Concurso Público no prazo de 2 (dois) dias, a contar da data da publicação desta Portaria, mediante envio de mensagem eletrônica (comissaopj@mppa.mp.br).

Art. 3º - Os servidores convocados deverão participar de reunião no dia 22 de setembro de 2014, às 9h, no Auditório do Prédio-Sede.
Art. 4º - O servidor que não atender à convocação, exceto nos casos previstos no art. 2º desta portaria, estará sujeito à aplicação das penalidades previstas na Lei n.º 5.810, de 24 de janeiro de 1994.
PUBLIQUE-SE, REGISTRE-SE E CUMPRA-SE.
GABINETE DO SUBPROCURADOR GERAL DE JUSTIÇA PARA ÁREA TÉCNICO- DMINISTRATIVA, 15 de setembro de 2014.
MIGUEL RIBEIRO BAÍA
Subprocurador-Geral de Justiça – Área Técnico-Administrativa
Presidente da Comissão do XII Concurso Público
(Fonte: Diário Oficial do Estado do Pará, de 16/09/2014 – Caderno 05, página 08)

Decepcionante é saber que o órgão que deveria ser o fiscal da lei e o guardião da ordem democrática, reveste-se de atitudes tão arbitrárias, imorais e ilegais.

Anônimo disse...

Anônimo de 11/09 das 18h50...
Esse SEAS é um ANTRO de COMIFAZNADA quer dizer COMISSIONADO...
não sei como vcs EFETIVOS, conseguem conviver com esse tipo de gente!!
é difícil cara...só quem é servidor efetivo sabe o qunto é difícil...na Prefeitura de Belém não diferente cara...acho que até é pior!!! Mas essa injustiça vai acabar...o tempo vai dizer...aguarde...parceiro


Anônimo disse...

Mais 1200 pragas de mototaxistas nas ruas, aumentando os acidentes de transito. E muito estranho, às vesperas da eleição. O PSDB está desesperado. Mas resolver o problema dos engarrafamentos com simples terminais de integração no Entroncamento e São BRaznão podem porqueas empresas de onibus não tem interesse, o sindicato dos motoristas e cobradores também não e o prefeito e seu partido perderiam a propina!

Anônimo disse...

- Com Helder governador, espero que a Saint House tome jeito. Primeira coisa a fazer é devolver todos os cedidos para seus órgãos de origem, inclusive que tem dois dedos, que só trabalha por um. Depois não permitir que nenhuma pessoa que hoje é DAS permaneça com o DAS. Principalmente os baba ovos, que entra administração sai administração continuam por lá. Não pela competência mas pelo baba ovo mesmo. Principalmente dos DAS de gerências chaves: Controle interno, Licitação, financeiro, contabilidade, GAPE, GESPE, orçamento, laboratório, regulação, almoxarifado, compras, contratos, transporte,

Anônimo disse...

As Secretarias do Estado e do Municipio estão cheia de amantes. Tem loira, tem morena, tudo sarada. Secretaria de Pesca só tem sereia. Secretaria de Administração ..hummm... Só delícia.. Quem souber mais posta aqui.

Anônimo disse...

O novo Conselho de Arquitetura de Arquitetura e urbanismo doara CAU fez concurso e nao chama seus arquitetos. O Cau possui outras formações, inclusive a maioria terceirizados e nao chamam os arquitetos. Só chamaram 2 apenas. E mais dois sao terceirizados. Sera que vai funcionar sem arquitetos? Só o Cau Pará mesmo!

Anônimo disse...

kkkk pode crer!!!anônimo de 8h22... Só tem paradão!!!!

Anônimo disse...

http://www.diarioonline.com.br/noticias/para/noticia-302130-.html


essa isabela é uma especie de "marcos valerio" de saia....
é uma das mulheres mais ricas do Estado graças ao propaz e a farra das diarias.

Anônimo disse...

ONDE ESTA AQUELA ROSE BADUINA, QUE FEZ DA SEAS UMAM...AI SAIU DE FININHO.
ONDE ANDA A SARNENTA AQUELA DIRETORA QUE SENTOU EM SIMA DA M.. QUE A BALBUINA FEZ E TAMBEM SAIU DE FININHO . A CLAUDIA TANAJURA PARENTA DA REGINA BARATA DO PT QUE POR PUXAR O SACO FICOU UM TEMPO... AQUELA QUE NADA FAZIA CONHECIDA COMA MALVADA "AMADA" MULHER SEM NENHUMA COMPETÊNCIA É POR ISSO QUE O ESTADO VAI DE MAL A PIOR SE REFERINDO AO DESENVOLVIMENTO HUMANO. TAMBEM TEM AUELA GRUPO DE IMCOPETENDA QUE ATUA A FRENTE DA SEGURANCA ALIMENTAR DA NOJO...

Anônimo disse...

Servidores públicos sob a mira de revólveres a serviço do governador:

Fato gravíssimo!

Coisas que não se viu nem nos tempos da ditadura militar estamos vendo no governo Jatene.

Obtive a confirmação de que um servidor da Santa Casa que estava de plantão na hora do incêncio, foi ameaçado sob a mira de revólveres por seguranças, pelo simples fato de estar fazendo aquilo que qualquer um pode fazer desde que inventaram os celulares com câmera: filmando.

A segurança da Santa Casa extrapola a sua função de defesa patrimonial, para se tornar uma espécie de "milícia política do governador Simão Jatene" com ordens de usar armas contra servidores que simplesmente estejam filmando.

Anônimo disse...

Na última sexta feira foi divulgada a pesquisa de ambiente interno do Tribunal de Contas do Estado e o resultado não poderia ser mais engraçado.

É uma tremenda vergonha que o presidente da Casa apresente esses resultados com tamanha cara de pau.

O mais polêmico de todos os pontos foi: A satisfação dos servidores com o PCCR, mais conhecido como esmola para efetivos.

81% de satisfação com o plano miserável que remunera menos que o TCE de todos os Estados do Brasil.

Só que a alta administração, encabeçada por um certo irmão mais velho de candidato à novo amamentado pela ALEPA, tripudia da inteligência dos servidores de carreira.
Como pode ter validade alguma uma pesquisa sobre o PCCR, que atende somente os servidores efetivos, ser respondida massivamente pelos apadrinhados (vulgo comissionados)?
E nunca se viu tanto comissionado no TCE quanto no dia da pesquisa. Ficou claro e evidente que não existe nem espaço físico para o número absurdo de ''servidores'' que estiveram presentes no dia. De lá pra cá uma grande parte jamais apareceu, já que comissionado no TCE não bate ponto, não tem hora pra entrar, não tem hora pra sair e ganha pelo menos 10 mil reais sem sair de casa.
Se o MP quisesse conhecer os fantasmas, o dia da pesquisa seria perfeito para tal.
O resto da pesquisa não poderia ser diferente, impressionando o ''coitado'' pesquisador. É óbvio que cachorro que ganha muita ração de graça não morde a mão do dono, logo a roubalheira não teria como ter sido melhor maqueada.

Parabéns administração do TCE, ninguém é tão bom quanto vocês em beneficiar apadrinhados, destruir o orçamento público com os famigerados ''regular com ressalva'' e em fazer pouco da cara dos servidores de carreira.

Anônimo disse...

Depois que Izabela (com Z como ela enfatiza no telefonema)foi exposta ao ter gravado o pedido da lista das 300 maiores empresas para ir pegar um dinheirinho, o dito "filho de peixe, peixinho e"perdeu o uso na campanha do Jatene.

Anônimo disse...

a SEAS nas principais coordenadorias onde passa dinheiro colocam servidores exclusivamente comissionado.

o diretor da DAF todo mundo sabe q fica agradando os mais antigos do orgao dando muitas diarias sempre pro mesmo grupo (o pessoal do trem da alegria q ingressou no serviço sem concurso).

eu soh queria entender oq ele (diretor edson da DAF) ganha em troca desse favor na farra das diarias.

os motoristas antigos ate brigam entre si para viajar.

Anônimo disse...

O CONCURSO ENCERROU E A FUNDAÇÃO CARLOS GOMES ENROLOU A NOMEAÇÃO DE CANDIDATOS APROVADOS E CLASSIFICADOS.

ESSE ÉO GOVERNO DO JATENE.

A Fundação Carlos Gomes tem uns servidores efetivos "não estáveis" como técnico de nível superior, estes OCUPAM o lugar de três aprovados no concurso público para o Carlo Gomes, nos cargos de Técnico de Administração e Finanças, cargo de nível superior la na Fundação, FALTAVA SEREM NOMEADOS:
- 02 (duas) Assistentes Sociais;
- 01(um) Pedagogo.


Sendo que em 2009 essas vagas foram criadas PELA LEI 7.310, DE 07 DE OUTUBRO DE 2009, publicado no DOE-PA Nº 31.522, de 09/10/2009, (DUAS VAGAS PARA A. SOCIAL E DUAS VAGAS PARA PEDAGOGIA) gostaria de saber o porquê de tanto mistério para NÃO nomearem esses três aprovados no concurso para esta FCG. Será que esses candidatos terão que recorrer ao Ministério Público, para impetrar mandato de segurança.

SUPERINTENDENTE DA FCG, PAULO JOSÉ CAMPOS DE MELO, um PIANISTA SUJO, FAÇA O CERTO, ou será que o superintendente vai abrir "processo seletivo temporário", novamente, para o lugar dos concursados?

A administração do governo Jatene, infelizmente não valoriza e não respeita servidor público, isso é fato.

Fundação Carlos Gomes, uma escola de empregos políticos, infelizmente que estudou, investiu dinheiro. Fica só na vontade.

Anônimo disse...

Justiça manda Estado realizar concurso na Susipe para o cargo de Agente Prisional

Foi julgada procedente, pelo 3ª Vara da Fazenda da Capital, a ação civil pública (ACP) movida pelo Ministério Público (MP) contra a Superintendência do Sistema Penitenciário do Estado do Pará (Susipe), cobrando a realização de concurso público para os cargos de agente prisional e procurador autárquico.
A ação foi ajuizada pelo promotor de Justiça Alexandre Batista dos Santos Couto Neto e o despacho manda a Susipe proceder a realização de concurso público para fins de provimento do cargo de agente prisional no prazo máximo de 6 meses, com nomeação e posse dos aprovados no certame e substituição dos funcionários temporários contratados em desacordo com art.37, da CF/88, cujos contratos devem ser rescindidos no prazo máximo de 8 meses.
Foi arbitrada multa no valor de 50 mil reais em caso de descumprimento da decisão. Segundo o MP, existem 1.566 vagas de agente prisional no sistema penitenciário que foram criadas pela Lei Estadual 6.688/2004 e, decorrido todo este período, a administração pública não realizou concurso público, sendo que as vagas são preenchidas por funcionários temporários, com sucessivas substituições, fato que teria causado sérios prejuízos para a administração pública do sistema penal.
Em 2011, foi determinada medida cautelar que obrigava o Estado a realizar concurso público, tendo sido cumprida a decisão apenas com relação ao concurso para o cargo de procurador e a Susipe deixou de realizar o certame com relação ao cargo de agente prisional.
Mérito

Na decisão de mérito de outubro de 2013, o juiz considera a ilegalidade das contratações: ”A liminar proferida nestes autos, teve publicação em 27/9/2011, com ciência da Autarquia em 26/9/2011, sem que até o momento tenha sido demonstrado a este Juízo o cumprimento do que determinado, o que demonstra um total desrespeito com este Poder Judiciário e sobretudo com a sociedade que anseia pela probidade de seus Administradores, os quais devem agir sempre em consonância com a lei, sem utilizar de subterfúgios para descumprir o que determinado na Constituição da República Federativa do Brasil de 1988”.
Diz ainda o juiz: “Situação como a verificada nestes autos é inadmissível e demonstra o descompromisso dos gestores da Susipe e do próprio Estado, uma vez que determinado realização de concurso há mais de 2 anos, sem efetividade até o momento desta sentença de mérito. Não há qualquer justificativa ou fundamento para a não realização do certame determinado”.

Anônimo disse...

A RUA GAIAPOS NA CONDOR PEDE HELP PRO PREFEITO DE BELÉM ZENALDO DO PSDB.

A rua GAIAPOS no bairro da condor, entre apinages e tupinambás, estar abandonada pela prefeitura do zenaldo. A rua não tem limpeza pública, porque os garis que limpavam a rua o prefeito tirou, a rua é só buraco e sem sinalização, as luminárias da via pública uma hora acende outra hora fica escura. Zenaldo as mais de 100 familias que moram nessa rua, esperam receber serviços públicos na rua. Prefeitura olha pra rua GAIAPOS no bairro da condor. Ela pede socorro.

Prefeito não tape só os buracos, asfalte a rua GAIAPOS, já q o prefeito estar drenando e asfaltando varias vilas sem saídas, pela cidade. A GAIAPOS é uma rua muito movimentada.

Anônimo disse...

Carta para Izabela Jatene:

Ainda que você tivesse sido vítima de uma baixaria política; que de fato estivesse buscando um dinheirinho apenas para as obras assistenciais do Propaz; porém é a repetição daquilo que o seu pai vem fazendo desde que era um super-secretário de Almir Gabriel: relações informais (promíscuas?)com grandes empresas, que certamente só contribuem com um "dinheirinho" em troca de um impostão que lhes é dispensado. E quem sai perdendo é...

O funcionalismo público estadual há muito que vem sendo desprestigiado em relação a implantação de cargos e salários e a reposição justa de perdas. O dinheirinho (sem aspas) que recebemos mal dá para a sobrevivência; não pertencemos ao privilegiado círculo dos 300 empresários mais fortes do estado. Ninguém do governo propôs quitar a dívida do estado (em 22,45%) por um dinheirinho no bolso do servidor - aliás, o Pará é um dos poucos estados da federação brasileira que ainda não instituiu a troca de precatórios por valores de dívida fazendária.

Simão Jatene é um homem focado nos mais ricos e mais fortes. Perdoou a dívida da CERPASA - em troca de um bom dinheirinho. Esteve ao lado de Almir Gabriel na venda da CELPA por um bom "dinheirinho"; e agora também vai ganhar um bom "dinheirinho" em imposto da tarifa de energia elétrica mais cara do Brasil. Por quê não reduziu o ICMS estadual da conta exorbitante que consumidores de energia elétrica estão pagando? Porque nós que não fazemos parte dos 300 mais ricos não merecemos também um abonozinho do ICMS estadual? Eu também poderia dar um dinheirinho ao Propaz em troca da redução do imposto estadual na conta da CELPA.

É sempre assim; facilidades e benesses para um grupo de poderosos: para os que fazem as obras (com acréscimo de milhões de reais no custo original); para os que produzem propaganda na mídia; para as 300 maiores empresas do estado; para os maiores fazendeiros; etc. E esses empresários bem aquinhoados o que estão fazendo pelo povo? Salários de fome - a paralisação dos empregados de supermercados mostrou o quanto eles são mesquinhos e até sonegadores de direitos trabalhistas - o setor voltou a ser o que era na década de 80, quando não haviam supermercados abertos 24 horas.

O número de empregos para pessoal de nível superior e de nível médio-técnico está cada vez escasseando mais; fazendo jus ao abandono dos projetos estaduais de ensino profissionalizante, prometido desde que Almir Gabriel acabou com o 2° Grau Profissionalizante nas escolas. Os empresários preferem o "fundamental-médio-pau-de-toda-obra". O comércio, a indústria, o setor de turismo estão contratando cada vez menos aqueles profissionais com uma formação técnica. Por quê o governo de Simão Jatene não interfere em favor da manutenção destes empregos? Será que é porque ele já está muito comprometido com os 300 maiores empresários da terra?

As obras que o seu pai fez na área da saúde pública são um ponto muito positivo, porém frustante demais é ver ele entregar o patrimônio público nas mãos de empresários e ainda lhes pagar valores altíssimos (na casa da centenas de milhões de reais), por um bom serviço que não custa nem 1/3 desta fortuna. Perguntar não ofende: para onde vai tanto excedente de lucro na conta desses felizes grandes empresários? Certamente que este "dinheirinho" não é para melhorar a remuneração de pessoal, nem para ampliar a oferta dos serviços nas unidades de referência que deveriam tratar doenças no início e prevenir os agravos.

Parabéns para você por cuidar das vítimas de abuso sexual; mas ... e os loucos que andam aos milhares nas ruas? E os menores em situação de risco? E os jovens que enveredam pelo tráfico por falta de promoção social, de investimento em educação integral? Quando vão ter vez?

Acho muito estranho que uma população se contente com sobras; mas enfim... isso é democracia na terra onde educação é artigo de luxo.

Anônimo disse...

As empresas já pagam seus impostos e ainda tem que ficar dando dinheiro pro pro-pai, digo, pro-paz. Isso que esta senhora queria fazer ou fez, é extorsão disfarçada, afinal quem vai negar um pedido feito pela filha do Homem! E pra onde vai o dinheiro, quem fiscaliza? O TCE, aquele onde seus conselheiros são indicados pelo governador e o nepotismo direto e cruzado corre solto? ABSURDO!

Anônimo disse...

Há controvérsias sobre o tal dinheirinho que Izabela(com Z)Jatene queria pedir para o PROPAZ, para isso utilizando-se do respeitável cargo de primeira-filha para pedir ao Nilo adjunto a lista das 300 maiores empresas em contribuição em impostos. As doações e sua aplicação terão de aparecer na contabilidade do tal programa.

Anônimo disse...

Esse programa PROPAZ fede. Contratos sem licitação tipo o que fechou para a realização de cirurgias de catarata com empresa paulista e outro para trazer médicos de várias especialidades montado com empresa de transporte em ambulâncias Tudo com cumplicidade do secretário de saúde Helio Franco, sua adjunta Heloisa Guimarães e sua equipe de gestoras(DASS que nem existe na SESPA). Com todos esses a filha do Jatene,mesmo sem autoridade formal no Estado, pode montar seu grupo nefasto que distorce qualquer política séria de saúde.Ao contrário de seu papai preguiça, ela é bem atuante, só que prejudicando a população. Aos servidores na secretaria resta acompanhar e aguardar a eleição para dar adeus a tantas irregularidades.

Anônimo disse...

Barata, cadê vc? Como vc está? Apesar de divergirmos em alguns pontos, sua participação no cenário estadual é de fundamental importância. Suas informações e críticas são valiosas diante de tanta mentira e desinformação.

Anônimo disse...

Peço à Senhora de Nazaré o seu pronto restabelecimento.

Anônimo disse...

Carta para Izabela Jatene:

Ainda que você tivesse sido vítima de uma baixaria política; que de fato estivesse buscando um dinheirinho apenas para as obras assistenciais do Propaz; porém é a repetição daquilo que o seu pai vem fazendo desde que era um super-secretário de Almir Gabriel: relações informais (promíscuas?)com grandes empresas, que certamente só contribuem com um "dinheirinho" em troca de um impostão que lhes é dispensado. E quem sai perdendo é...

O funcionalismo público estadual há muito que vem sendo desprestigiado em relação a implantação de cargos e salários e a reposição justa de perdas. O dinheirinho (sem aspas) que recebemos mal dá para a sobrevivência; não pertencemos ao privilegiado círculo dos 300 empresários mais fortes do estado. Ninguém do governo propôs quitar a dívida do estado (em 22,45%) por um dinheirinho no bolso do servidor - aliás, o Pará é um dos poucos estados da federação brasileira que ainda não instituiu a troca de precatórios por valores de dívida fazendária.

Simão Jatene é um homem focado nos mais ricos e mais fortes. Perdoou a dívida da CERPASA - em troca de um bom dinheirinho. Esteve ao lado de Almir Gabriel na venda da CELPA por um bom "dinheirinho"; e agora também vai ganhar um bom "dinheirinho" em imposto da tarifa de energia elétrica mais cara do Brasil. Por quê não reduziu o ICMS estadual da conta exorbitante que consumidores de energia elétrica estão pagando? Porque nós que não fazemos parte dos 300 mais ricos não merecemos também um abonozinho do ICMS estadual? Eu também poderia dar um dinheirinho ao Propaz em troca da redução do imposto estadual na conta da CELPA.

É sempre assim; facilidades e benesses para um grupo de poderosos: para os que fazem as obras (com acréscimo de milhões de reais no custo original); para os que produzem propaganda na mídia; para as 300 maiores empresas do estado; para os maiores fazendeiros; etc. E esses empresários bem aquinhoados o que estão fazendo pelo povo? Salários de fome - a paralisação dos empregados de supermercados mostrou o quanto eles são mesquinhos e até sonegadores de direitos trabalhistas - o setor voltou a ser o que era na década de 80, quando não haviam supermercados abertos 24 horas.

O número de empregos para pessoal de nível superior e de nível médio-técnico está cada vez escasseando mais; fazendo jus ao abandono dos projetos estaduais de ensino profissionalizante, prometido desde que Almir Gabriel acabou com o 2° Grau Profissionalizante nas escolas. Os empresários preferem o "fundamental-médio-pau-de-toda-obra". O comércio, a indústria, o setor de turismo estão contratando cada vez menos aqueles profissionais com uma formação técnica. Por quê o governo de Simão Jatene não interfere em favor da manutenção destes empregos? Será que é porque ele já está muito comprometido com os 300 maiores empresários da terra?

As obras que o seu pai fez na área da saúde pública são um ponto muito positivo, porém frustante demais é ver ele entregar o patrimônio público nas mãos de empresários e ainda lhes pagar valores altíssimos (na casa da centenas de milhões de reais), por um bom serviço que não custa nem 1/3 desta fortuna. Perguntar não ofende: para onde vai tanto excedente de lucro na conta desses felizes grandes empresários? Certamente que este "dinheirinho" não é para melhorar a remuneração de pessoal, nem para ampliar a oferta dos serviços nas unidades de referência que deveriam tratar doenças no início e prevenir os agravos.

Parabéns para você por cuidar das vítimas de abuso sexual; mas ... e os loucos que andam aos milhares nas ruas? E os menores em situação de risco? E os jovens que enveredam pelo tráfico por falta de promoção social, de investimento em educação integral? Quando vão ter vez?

Acho muito estranho que uma população se contente com sobras; mas enfim... isso é democracia na terra onde educação é artigo de luxo.