sexta-feira, 14 de setembro de 2012

PIRABAS – Barroso desafia Justiça Eleitoral

        A concluir das recorrentes denúncias feitas ao TRE, o Tribunal Regional Eleitoral, o sentimento de impunidade parece tão arraigado no prefeito de São João de Pirabas, o peemedebista Cláudio Barroso (foto, à esq., com Elcione Barbalho e Asdrúbal Bentes), que ele postula a reeleição desdenhando, acintosamente, da Justiça. Utilizando escancaradamente a máquina administrativa, Barroso toca sua campanha transgredindo frequentemente os limites impostos pela legislação eleitoral. A mais grave das denúncias acusa Barroso de valer-se da farta distribuição de bebidas alcoólicas para atrair o eleitorado jovem para sua campanha, o que explicaria o confronto de gangues rivais, ao término de seus comícios. Protagonista de uma administração desastrosa, pontuada por recorrentes denúncias de corrupção e nepotismo, o prefeito é também acusado de valer-se da truculências de seus capangas e apaniguados, na desesperada tentativa de intimidar seus adversários.
        Barroso disputa a reeleição pela coligação Juntos de Novo com a Força do Povo. Ele tem como adversários Davi Sarges de Carvalho, do PHS, o Partido Humanista da Solidariedade, e o ex-prefeito João Bosco Rufino Moysés, do PSDB, um ex-bicheiro, que hoje é um próspero empresário e disputa um novo mandato pela coligação O Trabalho Está de Volta. Previsivelmente, a disputa está sendo polarizada entre Bosco Moysés e Barroso, respectivamente, ex-prefeito e atual prefeito de São João de Pirabas. Barroso, recorde-se, tem como avalista eleitoral a deputada Simone Morgado, 1ª secretária da Alepa, a Assembleia Legislativa do Pará. A parlamentar vem a ser uma espécie de primeira-dama do PMDB, na esteira de um affaire que mantém com o senador e ex-governador Jader Barbalho, o morubixaba da legenda no Pará.
        Simone Morgado, convém recordar, responde a uma ação judicial, por improbidade administrativa, movida pelo promotor de Justiça Nelson Medrado, em nome do Ministério Público Estadual, por patrocinar a falcatrua da qual foi beneficiária a jovem advogada Ana Mayra Mendes Leite Cavalcante. Nomeada para um cargo comissionada a pedido da deputada do PMDB, em cujo gabinete ficou abrigada, Ana Mayra embolsava regularmente seus vencimentos e usufruía de outras eventuais vantagens, embora estivesse em Portugal, onde cursou seu mestrado, na Universidade de Lisboa. Durante todo esse período, a ilustre fantasma teve sua suposta presença diária no Palácio Cabanagem atestada por Simone Morgado.

5 comentários:

Anônimo disse...

Os tribunais da corrupção estadual e municipal só servem prá maquiar a roubalheira, enganando o povo, aprovando tudo sem ressalvas. No tribunal da corrupção municipal, o que tem de barbalho é brincadeira. Toda e qualquer irregularidade praticada por seus correligionários, são todas engavetadas. Essas duas porcarias deveriam ser extintas prá cortar gastos do nosso dinheiro.

Anônimo disse...

Puta merda estamos perdidos.
Claudio Barroso, dinovo não.
São Joao de Pirabas dessa vez vai afundar, tambem não temos lei....

Anônimo disse...

Acho engraçado os olhos ficarem vendados para os comicios do 45= leia-se Bosco, onde a distribuição de bebidas para menores é farta e comandada pelo vereador Amarildo e um comerciante chamado Nego da Caçula e Afonso.Ora,o desespero é geral.Pudera, para ouvir o que dizem nos palanques só chapado...

Anônimo disse...

Quem é o bosco, pra falar em faucatruas, em atentado contra ele, lembras o que ele fez com o carro do charles, na campanha passada.lembras né?
E atentado era que ele ia ter se nao se esconde em Pirabas. Que depois que mataram o gigante que falsificava DOLAR pro bosco. ele, o bosco era o proximo da vez, e todo mundo sabe disso. já entendeu porque ele não sai de PIRABAS!

Anônimo disse...

Sabes muito sobre o Bosco, quem nos diz que voce hoje esta fora desta Quadrilha e passou para outra. Agora que existe Falcatrua no Governo do Claudio Barroso do PMDB existe, pois é só procurar saber no local onde ele tinha uma Xerox e hoje tem até Mansão e Apartamento em Ananindeua e em Belém mora na Pedro Miranda com carro de luxo na garagem.

Hoje ele ganhou a Reeleição, mas não demora ele é Afastado e Cassado, Preso e ficará Inelegivel por muito tempo.

Ora anonimo vai te assiar, isto é, se tiver água na torneira da tua casa em Pirabas.